Estilo de VidaTagged , , ,

Amenorreia: o que é? Quais os sinais do problema?

Sua menstruação anda desregulada? É comum que você fique longos períodos sem menstruar? Fique atenta! Você pode estar sofrendo com os sintomas da amenorreia. Descubra mais sobre esta doença abaixo.

O que é a amenorreia?

A amenorreia significa um período em que a menstruação fica ausente, porém deveria estar acontecendo. Antes da puberdade, durante a gravidez e após a menopausa são os períodos em que a ausência de menstruação é mais comum, mas fora desses períodos é necessário se atentar ao problema, pois a amenorreia pode e deve ser tratada.

Esse problema é dividido em duas categorias, sendo elas primária e secundária:

  • amenorreia primária: a primária é quando a mulher com 15 ou 16 anos ainda não teve sua primeira menstruação;
  • amenorreia secundária: é definida como a ausência de menstruação mensalmente, por três meses seguidos ou mais. Neste caso é preciso observar se a falta de menstruação pode ser devido à uma possível gravidez, se descartada essa possibilidade, é necessário ir ao ginecologista para iniciar um tratamento, que é feito de acordo com o motivo de cada problema, já que ele pode se dar por: excesso de peso, falta de atividades físicas, tireoide, câncer, alteração hormonal, obesidade, dentre outros.

“Os dois extremos, desnutrição e obesidade, podem ser responsáveis pela ocorrência da amenorreia. Isso prova a necessidade de manter alimentação saudável e equilibrada e o peso corpóreo ideal para o peso e a altura.”

— Dr. Drauzio Varella

Sintomas

O principal sintoma de amenorreia é a falta do período menstrual, mas dependendo da categoria do problema outros sintomas podem se apresentar como: secreção de leite pelo mamilo, queda de cabelo, alterações na visão, excesso de pelos faciais, dor pélvica ou excesso de acne.

Prevenção

A amenorreia nem sempre pode ser prevenida, no entanto, alguns fatores podem ser o diferencial ligado à esse problema, por isso manter uma dieta equilibrada, se atentar na quantidade de exercícios físicos praticados, evitar o estresse ou a ansiedade e estar sempre ligada aos intervalos entre um período menstrual e outro são dicas importantes para prevenir que esse problema aconteça.

Tratamentos

O tratamento vai ser indicado de acordo com os casos de amenorreia, sendo eles:

  • problemas congênitos: no caso de amenorreia primária, que é causada por problemas congênitos, o mais comum é que o médico indique remédios à base de hormônios, cirurgia ou os dois ao mesmo tempo;
  • câncer: se a causa for um tumor cerebral, a prescrição comum é de quimioterapia, radioterapia ou cirurgia na região em que o tecido cancerígeno se encontra;
  • doença sistêmica: se a circunstância é causada por uma patologia sistêmica, como distúrbios na tireoide, o tratamento possibilitará com que os períodos menstruais retornem;
  • alterações de peso: se o problema estiver acontecendo por baixo peso ou excesso de exercícios físicos, a menstruação só retornará quando a pessoa encerrar ou regular a atividade e recuperar parte do peso perdido.

Nas situações em que a amenorreia não pode ser corrigida, medicamentos podem, por vezes, criar uma situação parecida com a menstruação. Converse com seu médico ou médica para saber se essa é uma opção para você, caso queira.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *